terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Ondas à beira da praia


Não voltei, nunca fui
sou como onda na beira da praia
sempre ali quebrando
às vezes profundo me raso.


(FlaVcast - 18.12.2012)

2 comentários:

Gabi P. Deutner disse...

Bonita a tua reflexão.
Parabéns, do meu ponto de vista você acertou em muitas coisas.
Seu blog é fascinante, gostei muito dele e estou seguindo!
Tenha um final de semana maravilhoso
E continue sempre postando, vou estar sempre aqui curtindo suas ideias!

beijinhos

FlaVcasT disse...

Gabi, desculpe pela demora em responder seu comentário. Fico feliz em poder tocar uma pessoa com os meus poemas.
Espero que continue a seguir-me.

Beijo